segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Se aprovado, Cortes no Bolsa Família deverá afetar a evasão escolar


      Na tentativa de demover o relator-geral do Orçamento de 2016, deputado Ricardo Barros (PP-PR), de propor um corte de R$ 10 bilhões no Bolsa Família, o governo decidiu partir para uma “batalha de números”. A intenção é mostrar que, neste momento de forte crise econômica, a “tesourada” no principal programa social reduziria em 23 milhões o número de beneficiários do programa (47,8 milhões) e retiraria 250,7 mil crianças e jovens das escolas no próximo ano. Segundo o Planalto, Estados governados pela oposição estariam entre os principais afetados.
     Pelos cálculos, cerca 61 dos quase 5 milhões de beneficiários do programa em São Paulo teriam de ser desligados, ao todo, 2,9 milhões de pessoas.

                                       Ensino
      A pasta calcula ainda que haveria um aumento da evasão escolar das crianças, uma vez que, hoje, os alunos beneficiados com o programa têm frequência escolar 3,1% maior do que estudantes em condições similares, mas fora do Bolsa Família. Para se habilitar ao benefício ou à complementação de renda programa, a família tem de comprovar renda per capita de até R$ 154,00.
         Leia a notícia na íntegra  clicando aqui

Fonte: http://www.msn.com/pt-br/noticias/brasil/cortes-no-bolsa-fam%C3%ADlia-afetariam-29-milh%C3%B5es-em-s%C3%A3o-paulo-diz-planalto/ar-CC8jhf?li=BBlILv0&ocid=mailsignoutmd

0 comentários:

Postar um comentário